O Blog

No ar oficialmente desde o dia 30 de agosto de 2007. Um espaço para minhas ideias, sonhos, e tudo mais que possa surgir na minha mente e que porventura venha cutucar meus dedos para que eu comece a escrever.

Porque as coisas que vivem na nossa mente não são apenas bobagens. Elas têm vida. Nascem a todo tempo e não se contentam em ficar enclausuradas dentro dos nossos pensamentos. Elas querem sair e fazer parte do nosso mundo, não apenas como meros devaneios, mas como palavras que poderão ser transmitidas para outras mentes e transformadas em outras ideias.
Como os pássaros que carregam as sementes das árvores e espalham seus frutos por outras terras, fazendo com que novas árvores nasçam em diferentes lugares, as coisas que nascem na nossa mente utilizam das palavras para se reproduzirem. Pois as palavras plantam ideias na cabeça das pessoas e as fazem pensar.

O nome

Devaneio. Substantivo masculino derivado do verbo devanear.
O mesmo que sonho, fantasia, veleidade.
Porque todas as ideias nascem de sonhos, aconteçam eles enquanto dormimos ou não.
E a vida não faria sentido se os sonhos não existissem.